ON

ON

Previsões Windguru Troia-Setúbal 3 Dias

Procura algo procure aqui

Google

Vídeos de Pesca

Loading...

segunda-feira, 13 de agosto de 2007

Competição-Iscos preparados na hora de competir.

Desde algum tempo,que em competição na totalidade das divisões,os iscos são fornecidos pela federação (fppdam) na altura das provas.Os atletas na viagem até ao pesqueiro,têm que descascar cerca de 2-2,5 kgs normalmente de ameijoa.Este trabalho é feito utilizando por exemplo um coador (conforme a imagem) com a finalidade de libertar a água da ameijoa, simultâneamente ameijoa essa polvilhada com sal ,de forma a ,rápidamente quanto possível ,adquirir alguma consistência,para se iscar melhor.A ameijoa só por si,é difícil de tomar sal,comparado com outros iscos.Composição química aproximada (g/100 g):Humidade 81,1%,Gordura 0,9%,proteína 11,7%,cinza 1,0%)-Como vemos a ameijoa tem uma percentagem elevada de humidade!Para se iscar convenientemente,adquirir alguma consistência que não permita fácilmente o peixe retirá-la do anzol ,é necessária a utilização do sal. O papel do sal neste processo ,único aditivo permitido em competição,é absorver a humidade da ameijoa,transmitindo-lhe rigidez,ao mesmo tempo actuando como conservante,atrasando o processo de decomposição de um corpo animal (neste caso da ameijoa)que se inicia assim que morre ou se descongela.O coador serve ao mesmo tempo para permitir a saída da água de uma forma tão rápida quanto possível.Ontem a 1ª divisão da A.A.P foi fazer um treino a Sines com vista ao campeonato da primeira divisão a realizar em Setembro em Sines,fui convidado por eles para os acompanhar,e aqui está na imagem o João Santos e o Armindo Vaz descascando a ameijoa logo pela manhã, enquanto navegáva-mos para o pesqueiro(click na imagem para melhor visualização).Até já.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tempo

Ultimas Notícias

****Carlos Motaco do Clube Companhia dos Mares sagrou-se Campeão Nacional de 2008-Célio Alves Campeão Nacional 2009****