ON

ON

Previsões Windguru Troia-Setúbal 3 Dias

Procura algo procure aqui

Google

Vídeos de Pesca

Loading...

domingo, 6 de maio de 2007

Ambiente-Chumbadas de Pesca de Alto Mar

Hoje vou abrir aqui mais um tema cada vez mais,na ordem do dia :"O ambiente"e começo com um texto que me enviaram(o grande captain camilo da A.A.P), cuja veracidade desconheço mas que quero partilhar com todos vocês."CHUMBOS E CHUMBADAS
O fabrico das chumbadas tradicionais pode vir a ter alterações em breve.
Instituições de âmbito europeu e mundial estão a analizar os efeitos do chumbo no meio ambiente de muitas formas, incluindo desportos como a caça e a pesca.
O chumbo presente nas chumbadas e amostras perdidas por pescadores em águas interiores e do mar, bem como das munições disparadas por caçadores em zonas húmidas na caça a aves aquáticas, ao longo dos anos é o agente principal de uma patologia que afecta numerosas espécies animais de água e terra por toda a Europa- o saturnismo.
Mas este facto pode estar a ter efeitos em seres humanos. Numa conferência organizada em Julho de 2004, em Budapeste, sob a égide da Organização Mundial de saúde, especialistas de 52 países concluíram que o excesso de chumbo no sangue “é a causa mais importante dos problemas de saúde mental de mais de 14.000 crianças da Europa Ocidental até aos 4 anos, causando dificuldades de aprendizagem, desordens de atenção e anemia”.
CONSEQUÊNCIAS
Este estudo levou a União Europeia a consultar recentemente a Associação Europeia de Empresas de Pesca Desportiva – EFTTA e a Associação Europeia de Pescadores (EAA) a respeito da presença de chumbo nos materiais de pesca, o que inclui passadores, chumbadas, amostras e outros artigos, estando prevista a entrega de um relatório ainda durante o Verão (estamos a falar do verão de 2004 e já estamos bem dentro de 2007!!).
Enfim, “Deus é Grande.”Jan Kappel, secretário-geral da EAA reconheceu que «o chumbo virá a ser banido dos materiais de pesca em toda a EU na altura própria (até parece conversa dos políticos portugueses), mas formolou votos para a Comissão dê tempo aos produtores para implementarem na integra essa proibição."
A ser verdade, como aparentemente mostra,os fabricantes vão ter de arranjar soluções em termos de materiais para substituir o valor do peso especifico do chumbo que são 11,35 gramas/cm3! o que nas nossas chumbadas quer dizer :" se dividirmos o peso da chumbada(100 grs por 11,35) obtemos o valor de 8,81 cm3 que é ó volume que ocupa uma chumbada feita em chumbo.Só materiais mais nobres como o ouro e a platina têm peso específicos maiores.Logo os outros como o ferro(7,6 gramas/cm3) tem pesos especificos mais baixos o que quer dizer que teriamos a mesma chumbada de 100 gramas feita em ferro mas com um volume maior(13,5 cm3).O ferro ou aço tem a particularidade de o seu ponto de fusão ser maior do que o chumbo, o que torna muito mais dificil a execução de chumbadas em ferro.Enfim deixando estes pensamentos para de quem de direito,uma das soluções poderia ser no caso das chumbadas feitas com chumbo,a sua plastificação integral ,como exemplo de alguns pescadores que já as fazem (eu próprio)assim como existem fabricantes que já as fabricam plastificadas(tubertini),é uma ideia.....Vamos ver até que ponto este texto se vem a concretizar no futuro,não é fácil substituir o chumbo na nossa actividade,mas se tiver que aconteçer a bem da saúde de todos nós e da preservação do ambiente ,será tudo uma questão de hábito,soluções alternativas concerteza vão surgir.A próposito estou a dar uma cara nova ao blog em termos gráficos (migrei para trés colunas)espero que seja do agrado de quem me acompanha neste espaço.Até já

Um comentário:

Anônimo disse...

Muito bom . parabens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tempo

Ultimas Notícias

****Carlos Motaco do Clube Companhia dos Mares sagrou-se Campeão Nacional de 2008-Célio Alves Campeão Nacional 2009****