ON

ON

Previsões Windguru Troia-Setúbal 3 Dias

Procura algo procure aqui

Google

Vídeos de Pesca

Loading...

sábado, 19 de maio de 2007

Besugos em Pesca de Alto Mar

Pagellus acarneBesugo
Os tão procurados sempre Besugos!Nas espécies mais comuns capturadas em Portugal na Pesca de Alto Mar”, vou tentar falar da descrição científica da espécie sem exaustão,da minha experiência ou inexperiência na mesma,e tudo o que possa estar relacionado com esta espécie..
Família:Sparidae
Ordem:Peciformes
Classe: Actinopterygii (peixes com raios nas barbatanas)
Nome Básico do Peixe: Axillary seabream
Tamanho máximo:36,0 cm
Ambiente: bentopelágico ; Intervalo de profundidades - 500 m
Clima: subtropical; 58°N - 12°N
Distribuição:Atlântico Oriental,Mar Mediterrâneo,Baía da Biscaia até ao Senegal, Madeira,Cabo Verde e Ilhas Canárias.Raro nas Ilhas Britânicas mas registado ocasionalmente na Dinamarca.Açores.
Identificação:12-13 espinhas dorsais-10-12 raios suaves dorsais-3-3 espinhos anais- 9-10 raios suaves anais
-corpo fusiforme e ligeiramente comprimido relativamente a outras espécies, num tom rosa prateado sem listas ou barras,mas com uma pinta preta junto á barbatana peitoral.
Biologia: Os adultos habitam vários tipos dos fundos, especialmente fundos de cascalho,algas e areia por baixo até a uma profundidade de 500 m, mas mais comuns entre 40 e os 100 M. Os jovens são encontrados mais próximos à costa. Omnivoro, mas preferem vermes,moluscos e pequenos crustáceos.São hermafroditas, a maioria quando nasce é fêmea. transformando-se em machos numa fase posterior.É de um valor gastronómico(sabor excelente) e comercial grande,e não se encontra no livro vermelho da espécies em perigo de extinção da IUCN (International Union for the Conservation of Nature and Natural Resources)
A sua pesca-(A minha experiência)
Medida Mínima Oficial para Captura: 18 cm
Medida Mínima Competição Pontuável: 18 cm
Capturar Besugos é sempre uma emoção! A sua Pesca é mais produtiva normalmente logo pela manhã cedo,e apartir do meio da tarde.Gostam de vermes vivos como isco(nomeadamente casulo,ou parchal),mas também de berbigão,ameijoa,lingueirão,bomboca,camarão essencialmente.Tem dias que comem de “garfo e faca” é sempre necessária muita atenção para os ferrar,mas na generalidade quando aparecem e encontram o isco que lhes agrade,comem sem muitos rodeios.É um peixe de cardume e quando aparecem em cardumes grandes é um espectáculo de pesca,o mais difícil é engodá-los no pesqueiro, quando aparecem para não se deslocarem do ponto em que estamos situados a fazendo a nossa pesca.Por vezes quando temos bomboca a bordo é sempre bom enviar nessa altura as cascas para o fundo, quando eles aparecem para os fixar,ou eventualmente engodar o fundo antes de iniciar a pescaria para os atrair em fundos de cascalho, onde normalmente gostam de andar.Uma das melhores pescarias que fiz ao besugo foi a bordo do Poseidon em Setúbal, do meu grande amigo e colega de equipa Ivo Machado, numa meia tarde em que estávamos á espera deles no ponto certo,já fazia tempo, a maior parte de nós todos a dormitar agarrados às canas e cabeças na borda, pois não se sentia peixe nenhum.Mas de repente o Ivo diz:”Estão ai os besugos finalmente!” e faz uma tripla de besugos,a seguir meus amigos tínhamos lingueirão vivo e bomboca fresca,foi perder a conta aos que apanhámos , todos de muito bom tamanho, aquilo a que chamamos “charutos” até ao cair da noite,mas não para um ou dois, para toda a gente que estava a bordo.São aqueles dias que não se esquecem! os besugos nem deixavam a chumbada cair no chão, imaginem o cardume que estava lá em baixo.Os dados científicos foram recolhidos na base de dados “fishbase”

Froese, R. and D. Pauly. Editors. 2007.FishBase.World Wide Web electronic publication.www.fishbase.org, version (02/2007).
Até já.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tempo

Ultimas Notícias

****Carlos Motaco do Clube Companhia dos Mares sagrou-se Campeão Nacional de 2008-Célio Alves Campeão Nacional 2009****